Governador Fábio Mitidieri inspeciona avanço das obras da Rota do Leite em Gararu
04/07/2024 09:30 em Últimas Notícias

A pecuária leiteira sergipana é uma das cadeias produtivas mais importantes do estado, reconhecida como uma das bacias leiteiras mais significativas do Nordeste, sendo considerada o "ouro branco" do sertão. Nesta quarta-feira, 3 de julho, o governador Fábio Mitidieri visitou as obras da Rota do Leite em Gararu, na rodovia SE-175, especificamente na estrada do povoado Jibóia, onde o investimento total alcança R$ 90 milhões.

A rodovia tem como objetivo facilitar o acesso aos mercados, estimular a produção na região do sertão, especialmente na produção leiteira, e beneficiar agricultores e produtores locais. O projeto também visa melhorar o transporte público e facilitar o acesso a serviços de saúde e educação para toda a comunidade.

"Viemos verificar o progresso desta obra tão importante para a mobilidade e para a Bacia Leiteira. Estamos aqui no início da rodovia. Eu e a prefeita Zete estamos inspecionando", disse o governador. "É a obra mais aguardada do sertão e continuaremos vindo aqui para acompanhar seu progresso", completou a prefeita de Gararu, Zete de Janjão.

Jeferson Arcelino, operador de moto niveladora que trabalha na obra, destacou a ansiedade da população pela rodovia. "Estamos esperando por isso há 40 anos. É uma obra muito importante, pois impulsiona a economia regional e ajuda a escoar a produção de milho e leite."

Michele Custodio, dona de casa, também espera um maior desenvolvimento com a Estrada da Jibóia. "Vai impulsionar o comércio, melhorar a rota do leite, muitos aqui trabalham com leite e a rodovia vai ser de grande ajuda."

De acordo com dados da Secretaria de Estado da Agricultura, Desenvolvimento e Pesca (Seagri), Sergipe produziu 435,5 milhões de litros de leite em 2021, um aumento de 20% em relação ao ano anterior, mostrando uma tendência crescente. Com a melhoria da infraestrutura viária, espera-se um impulso ainda maior na economia local.

Histórico: Em janeiro deste ano, o Governo do Estado assinou um contrato de repasse de R$ 16,8 milhões para a implantação da Rota do Leite (Rodovia SE-175) em Gararu. Além dos recursos viabilizados por emenda parlamentar do senador Alessandro Vieira, a obra conta também com mais R$ 10 milhões provenientes de uma emenda do governador Fábio Mitidieri, quando era deputado federal. Até sua conclusão, beneficiando os municípios de Gararu, Feira Nova e Nossa Senhora da Glória, o investimento total será de aproximadamente R$ 90 milhões.

As obras da Rota do Leite também beneficiarão os municípios de Poço Redondo, Porto da Folha, Nossa Senhora de Lourdes e Itabi, que, junto com Gararu, têm apresentado um crescimento significativo na produção de leite.

Bacia do Leite: A bacia leiteira do alto sertão sergipano é composta por sete municípios, totalizando 212.288 animais. Atualmente, a produção oficial do estado, que inclui laticínios com selo de inspeção, é de 1,5 milhões de litros por dia. Segundo dados da Emdagro, Poço Redondo é o maior produtor de leite do estado, com a maior produtividade média por vaca ao ano, alcançando 3.960 litros, comparado à média estadual de 2.336 litros e à média nacional de 1.343 litros por ano. No primeiro trimestre de 2023, Sergipe adquiriu 112.769 milhões de litros de leite, mantendo-se em décimo lugar no ranking nacional em relação à aquisição e industrialização de leite cru, e em segundo lugar no Nordeste, atrás apenas da Bahia, com 140.907 milhões de litros.

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!