GOVERNO DE SERGIPE PARTICIPA DO LANÇAMENTO DO PLANO SAFRA 2024-2025 DO GOVERNO FEDERAL, EM BRASILIA
04/07/2024 09:15 em Últimas Notícias

Ao todo, serão liberados R$ 476 bilhões em crédito, destinados ao Plano Safra da Agricultura Familiar e Empresarial

Nesta quarta-feira (03), o Governo de Sergipe, por intermédio da Secretaria de Estado da Agricultura, Desenvolvimento Agrário e da Pesca (Seagri), participou do lançamento do Plano Safra 2024-2025 do Governo Federal. O programa tem como objetivo apoiar o setor agropecuário por meio de linhas de crédito, incentivos e políticas agrícolas para os produtores rurais, desde os agricultores familiares até os grandes produtores. O evento ocorreu no Palácio do Planalto, em Brasília/DF.

Na ocasião, o secretário de Estado da Agricultura, Desenvolvimento Agrário e da Pesca de Sergipe, Zeca Ramos da Silva, destacou o papel do programa para o fomento da atividade agropecuária. “É um dia muito importante para o setor econômico rural, quando o Governo Federal anunciou investimentos para a nova safra que se inicia. Após esse lançamento, cada estado vai se debruçar sobre o Plano para verificar como aproveitar melhor os subsídios”, pontuou.

O secretário também comemorou a ampliação dos investimentos no setor agropecuário. Para este biênio, o Governo Federal vai destinar R$ 476 bilhões para o segmento em todo o país, sendo R$ 400 bilhões para o agronegócio e R$ 76 bilhões para a agricultura familiar. Neste último caso, o governo ainda anunciou que dará mais incentivos aos agricultores familiares que querem produzir alimentos imprescindíveis no prato da população brasileira. Quem produzir arroz, por exemplo, encontrará juros reduzidos para 3%, no caso do convencional, e 2% no orgânico.

Outra novidade é que cerca de dez linhas de financiamento de crédito rural do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) tiveram redução de taxas. O valor para o Pronaf será de R$ 76 bilhões, 43,3% maior do que anunciado na safra 2022–2023 e 6,2% maior do que o da safra passada. Ao todo, serão R$ 85,7 bilhões em ações do Governo Federal para a agricultura familiar, representando um crescimento de 10%.

Agricultura empresarial

Dos R$ 400,59 bilhões em crédito para a agricultura empresarial, R$ 293,29 bilhões (+8%) será para custeio e comercialização e R$ 107,3 bilhões (+16,5%) para investimentos. Já em relação aos recursos por beneficiário, R$ 189,09 bilhões serão com taxas controladas, direcionados para o Programa Nacional de Apoio ao Médio Produtor Rural (Pronamp) e demais produtores e cooperativas, e os outros R$ 211,5 bilhões destinados a taxas livres.

Foto: Ascom Seagri

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!